home Notícias Carta Aberta ao SRE contra uma avaliação de desempenho que beneficie os docentes com cargos ou funções não docentes

Carta Aberta ao SRE contra uma avaliação de desempenho que beneficie os docentes com cargos ou funções não docentes

Car@ colega,

no seguimento de várias tomadas de posição do SPM, que não têm sido atendidas pela SRE, contra um modelo de avaliação do desempenho docente que teima em beneficiar os docentes que se encontram com dispensa da componete letiva, por se encontrarem a desempenhar cargos ou funções em diversos organismos fora das escolas, vê-se o Sindicato dos Professores da Madeira a tomar uma posição pública por, no passado dia 26 de março, um ofício-circular assinado pelo diretor regional de inovação e gestão, Dr. António Lucas, acrescentar um novo critério facilitador da avaliação do desempenho daqueles docentes: a dispensa da frequência da formação obrigatória para a progressão.

É tempo de se legislar no sentido de uma avaliação de desempenho que não benificie uns docentes em relação a outros pelas funções e cargos desempenhados. 

Leia todo o texto desta Carta Aberta aqui .

A Direção 

Partilha:
TAGS:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *